Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O FILHO DO PASTOR

Click to Download this video!

Olá, eu sou o Fritz tenho 19 anos e sou de Manaus-AM. Vou contar uma historia que aconteceu em 2006 comigo e o filho do pastor da Igreja onde eu frequento. Vou chamar ele de "Maurício".



Bem, eu conheço o Maurício desde 2001, quando ele e a família passaram a frequentar nossa Igreja (evangélica). Apesar disso, nunca nos demos bem.

Ele sempre foi intolerante e isso nunca me cativou. Apesar disso, era o alvo das meninas... e meninos!

Morei em Goiânia e Rio de Janeiro por quase 3 anos. Quando voltei para Manaus, em 2006, eu o encontrei. Ele estava totalmente diferente do que eu havia eperado. Bonito, jovem e atraente. Tinha 19 anos e eu tinha 14. Continuava intolerante e chato.

O tempo foi passando. Fizemos uma boa amizade. Naquele mesmo ano, em Abril, tivemos um acampamento na Igreja. Eu e ele ficamos na mesma barraca. Eu jamais imaginava o que poderia acontecer ali.



Quando chegou a noite, conversamos bastante. Diversos assuntos. Ele queria saber como era o Rio e eu contava as minhas histárias pra ele. Ele tbm contava sua vida. Depois de conversar por quase uma hora, mudamos de assunto rapidamente e passamos a falar sobre sexo.



Ele queria saber se eu era virgem e eu confirmei. Ele também me disse que era virgem. Eu achava estranho, por ele ser filho de pastor deveria ser um exemplo. Achei mais estranho quando ele disse que tinha curiosidade de saber como dois homens faziam sexo.



Eu fiquei imensamente pertubado com a historia. Sempre achei ele bonito e até me imaginava transando com ele, as vezes. Perguntava pra mim mesmo se ele era um gay, ou se fazia aquilo pra me testar. Resolvi ficar na minha, pq não sabia o que ele queria e era melhor não arriscar.



Quando fomos dormir, dividimos o colchão. Vários garotos da Igreja estavam dormindo ao nosso lado e apenas nos dois estávamos acordados. Eu imaginava como ele seria pelado. Acho que ele imaginava a mesma coisa.

Quando eu estava quase dormindo, senti a mão dele passar de leve pelo meu peito. Meu coração quase saiu pela boca. Nunca tinha feito aquilo. Maurício era apenas meu amigo, embora eu sentisse vontade de ficar com ele.

Resolvi ficar quieto. Fingi que estava dormindo. Novamente ele passou a mão pelo meu peito e desceu até minha barriga. Eu suava frio. Vi quando ele levantou a cabeça e observou o ambiente, pra ter certeza que todos estavam dormindo. Eu tinha medo de que alguem pudesse ver, mas ao mesmo tempo queria continuar com a brincadeira.



Resolvi retribuir. Passei a mão pelos braços dele, o peito e desci até as coxas. Peguei nas partes íntimas dele e senti que o pau dele estava muito duro. Ele me apalpou. Coloquei a mão dele no meu pau e falei bem baixinho no ouvido: - Quero ficar com você!



Nos beijamos loucamente. Foi maravilhoso. Eu me masturbava e ele também. Queria transar com ele, mas tinha medo de alguem ver. Eu era virgem. Apenas nos beijamos e masturbamos um ao outro, até gozar.



Quando amanheceu, não tocamos no assunto. O dia inteiro foi assim. Não falamos sobre isso. Ninguém havia percebido nada. Quando anoiteceu, esperei todos dormirem e novamente passei minha mão saliente por todo o corpo dele. Ele já tava de pau duro e eu tbm. Ele chupou meu pau até eu gozar. Não gozei na boca dele, tinha medo de ele não gostar. Gozei duas vezes com ele me chupando.

Transamos loucamente. Foi meio mecânico, pq estávamos com medo, mas rolou e foi muito bom. Transamos sem camisinha. Eu adorei a sensação de enfiar meu pau nele.

Ele queria cavalgar em cima de mim, mas não era possível. Jurou pra mim que, quando fosse em casa, iríamos terminar o nosso amor.



Quando fomos embora do acampamento, eu senti um aperto grande ao observar a barraca onde eu havia dormido dois dias. Onde havia feito amor pela primeira vez, com um amigo, o filho do pastor. Eu mal sabia que, dali em diante, minha vida na Igreja e com meus amigos iria mudar muito. Não imaginava que o Maurício iria marcar minha vida não sá por ter transado comigo naquela noite, mas por ter despertado em mim uma grande paixão. Era o início de um amor, que durou 19 meses.



Em outro conto eu revelo outros detalhes dessa histária. Foram muitas transas que vocês vão gostar. Ah propásito, se quiserem meu msn é: [email protected]

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


tio come so meu cuzinho da mae tambémcontos eroticos nas prostitutas com mendigosboqueteira gaucha contoContoseroticos cavalominha sogra minha amantea casa dos contos eróticos-prima Thayanezoofilia meu pai adotou contosContos eroticos tristeza primeira vezcontos eroticos venha ca sua puta safada,eu vou arrombar seu cu de cadelaconto. a sugadora de. porraconto erotico eu minha mulher e meu primovideo como eragotosaconto arebentarao meu cu meumaridorelatos sexo eu e minha filha novinhaenteada v******** com marquinha de biquíni doidinha para dar o c* para o paicontos Eroticos com 3Homems e uma mulherthiagodepaudurocontoamador minha esposa safadaContos de zoofilia de homem a fuder femiacontos eroticos meu corninhoconto gay negao casado deuconto erotico gay seduzindo o tio velho coroa grisalhoContos Eroticos Pirralhosfoda louca na empregada até o orgasmocontos eróticos de bebados e drogados gayscontoerotico sou mulher adoro chupa cucontos eroticos nordestesou hetero mas comi meu amigo viado, contos heroticoscontoserticos.com icesto mae filho minha mae de 80 anoscontos eroticos aa aaa ai ai isso mete metecontos eroticos surubascontos eroticos mamae me da o cu sem doconto eróticos comeu o cu a força e amarras fsvivo porno contos filho chupa rola do papai emquanto ele durmiaconto cachorro tirou minha virgindadeContos eroticos fantasias o mendigo me pintou a casa e eu lhe fiz boquetecontos de sexo rapidinha com a cunhada na cozinha enquanto meu irmão tomava banho no banheiropadrasto autoritario contos esroticos porno llContos eróticos atolei no cuzinho da mamae no onibus lotadomulher sendo forçada a gozar com pirocada de macho amarradacontos eroticos gay com meu professorcontos eróticos menino pintinhocontos gay lucas e caiocontos eroticos abri sua boceta e minha porra escorria do seu buracocontos cunhada crenteContos eroticos tristeza primeira vezcontos/ morena com rabo fogosoflogdosexo.compauloelizabethcomtos arrobadaNA BUNDA CONTOme apaixonei pelo estuprador contosmeu filho adora minha bunda contosconto comi o cu da minhamaeconto erotico casada com dupla penetraçãoesposa mete com vizinho dotado e seu sogro ver e participacomtos eroticos fui rouba e fudi a dona da casacontos eroticos de tia masturbacaoRenato shortinho coladinho fazendo na roladei minha buceta pra pagar os pedreirosconto cutuquei pai na bundia delafilhos vendo a mae transar com outos homenscontos eroticosas gostosas passando bronzeador no seu corpinho nadaeu e minha mulher somos moreno meu filho loiro sou corno ?comendo minha sogra ruiva de 52 anos coroa mais gostosa do brasilsera q meu marido ja ficou com travesti peguei ele vendo videomulher tranzndo com ponei realcontos de velhos mamando seios bicudosConto sogra magrelinha gosta de orgiacontos eroticos me exibindo para amigo novinho do meu filhoconto erotico a esposa do colega de trabalho ciumentoSo uso fio dental enfiado no cu.conto erotico femininoconto crente bunda desproporcionalcontos eroticos medicocontos eroticos Sou arquiteta, 28 anos, morena do tipo gostosasexo contos eroticos na ilhanetinha virge de sainha estruoochapuleta inchada no cuzinho contos meu pai me seduziucontos encoxaram mamaecontos eróticos de bebados e drogados gaysmete tudopapai contoso sobrinho contosContos eroticos de irma casada da ccbcontos eroticos amigas ci pegandoTennis zelenograd contocanto erótico anal com mãe e filho anal doloridoContos e relatos de incesto minhas irmãs gemeas flagraram fudendo a mamae e tive fuder as tres no cuContos eroticos quero ver essas tetasquero ser arronbada por outro cassete contocontoseroticoscomcavaloconto anal evangelica cavalonaeu confesso que transei com uma idosa