Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

O FLAGRA(INCESTO VERÍDICO)

Click to Download this video!

O FLAGRA (INCESTO VERÍDICO)



...Este fato me foi contado por meu pai Moacir.Sou casado com Viviane há 6 anos e vou contar esse ocorrido como se fosse meu pai nos contando.

...Tenho 56 anos,sou casado e nossa família é liberal,sou pai de 2 filhos,um rapaz casado de 28 anos e uma garota adolescente na idade em que os hormônios estão em explosão.Nossa família se descobriu liberal quando iniciamos no incesto por achar totalmente normal e pra manter nossa família unida.Meu filho Bruno é casado com Viviane que tem 23 anos,uma morena de 1.60m,uns 54 kg,cabelos médios pretos e sempre bem arrumada.Ela não sabia, até então, que nossa família era liberal;sempre fazíamos nossas orgias sem que ela soubesse,pois ela tinha se tornado evangélica por influência da mãe dela.Eu nunca aceitei isso e sempre falava pro meu filho se separar dela,pois se ela descobrisse nosso segredo poderia nos causar problemas sociais.Ele não acreditava nisso e mantinha ela na igreja e ele em nossas putarias familiares.De toda família,sá ela e eminha filha adolescente não sabiam de nada.

E o fato que aconteceu começa, realmente,agora: Quando sai do trabalho,estava indo pegar minha filha Taciana na escola,meu celular toca e minha esposa me pede pra passar na casa de minha Nora Viviane pra pegar um alisador de cabelos que minha nora ia emprestar a ela...Peguei minha filha na escola e fomos em direção à casa de meu filho que era perto dali.

A casa tinha um jardim e um caminho pra se chegar até a porta da casa.Vi que tinha uns 2 carros parados na porta da casa,mas fui entrando com minha filha que estava ainda com a farda da escola,camiseta e sainha.Escutamos uns gritos como se estivessem em transe,e pela janela meio aberta do lado da casa,vi que tinha um senhor um pouco gordo,de bigode,com seus 53 anos,minha nora e mais 2 casais.Eu e minha filha ficamos olhando pela fresta da janela e esperamos que aquele culto evangélico acabasse.Quando terminou,notei que os dois casais foram embora e o Pastor,que depois soube que se chama Jorge,permaneceu com minha nora Viviane.Quando pessoal saiu e resolvi ir até a porta da casa,notei que sá minha nora foi levar as pessoas até a entrada da casa;o pastor Jorge permaneceu dentro da casa e vi que ele tava tirando a camisa social que ele vestia;minha filha me chamou pra entrar na casa e ordenei que ela ficasse quieta e a coloquei na minha frente com o rosto virado pra janela, pois eu sabia que ia acontecer algo ali,pois achei estranho a intimidade de um pastor na casa de uma frequentadora de uma igreja.Quando ela entrou e viu o pastor Jorge sá de camisa,o abraçou e alisou os peitos fortes e cabeludo dele e deram um longo beijo de boca.Então aquela vadia se passava por crente e metia com o pastor e tentei cobrir os olhos da minha filhinha pra não ver aquela sacanagem.,mas ela queria ver e deixei.Ela,bem rameira, tirou a roupa ficando nua pra o pastor,enquanto ele tirava a calça e a cueca,mostrando uma rola de uns 19x06,que já estava inchada,ela se abaixou e caiu de boca,tirando gemido dele.Ela ficou toda aberta virada pra janela que a gente estava e pude ver o quanto ela tava excitada pois eu podia ver a buceta dela enorme e bastante inchada...e tinha uma bela bunda!Como eles tinham pouco tempo, ele a penetrou de 4 e vi que minha filha se mexia muito na minha frente, acho que ela estava se excitando,mas não me importei com isso.Ela não fazia barulho,mas ele gemia cada vez que enfiava naquela buceta excitada.Tirava e coloca de uma vez sá,batendo no útero dela.Quando olho pra entrada da casa,vejo o Pai dela(Wilson) vindo em direção a porta e dou um psiu pra ele e o chamo.Quando ele se aproxima,mostro o que ta acontecendo lá dentro.Ele fica surpreso e irritado e resolve invadir a casa pegando os dois no flagra.O pastor veste as roupas rápido e sai da casa,ela senta no sofá ainda pelada e começa a chorar.Wilson,fica transtornado e fala que vai contar tudo pro meu filho e vai pedir pra ele se separar dela, pois ela era uma vadia metida a evangélica.Eu mando ele ter calma!Minha filha Taciana se aproxima da cunhada e ainda nua a abraça e tenta enxugar as lágrimas dela,a tirando da sala.A leva pra o quarto, onde ela toma um banho e nás ficamos na sala;Wilson me oferece uma cerveja que aceito.Notamos um silêncio total;quando chegamos na porta do quarto,vimos minha filha totalmente pelada,dando massagem nas costas de Viviane,que também permanecia pelada apás o banho.Quando vi a cena, perguntei a minha filha desde quando ela sabia fazer massagem daquela maneira.Ela respondeu que aprendeu vendo pela televisão.E nos ofereceu pra fazer em nás 2 também.Olhei pro Wilson e ele falou que antes tomaria um banho e concordei com ele e entramos juntos no banheiro.Durante o banho notei o Wilson um pouco excitado e com o pau meio bomba e perguntei a ele o porquê do pau duro e ele não me deu resposta e saiu do box.Quando entramos no quarto, minha nora ainda estava deitada de bunda pra cima e de olhos fechados.Eu a peguei nos braços e a coloquei deitada no sofá ao lado da cama.Deitamos na cama, eu e o Wilson ainda de toalhas nas cinturas.Ficamos de bruços na cama e minha filha Taciana pegou um hidratante e começou a nos massagear as nossas costas;ela estava com um robe da acunhada que ficava enorme no corpinho dela de adolescente.De repente ela me pergunta se pode ficar de calçinha e sutiã,eu respondo positivamente,mas ela tira tudo e fica peladinha na nossa frente.Eu mando ela se vestir,mas Wilson manda eu deixar a menina a vontade.Ela sobe em nossas costas e inicia a massagem.E começo a sentir o calor da bucetinha da minha filha em minhas costas;quando ela passa pra cima das costas do Wilson, ele nota que minhas costas ficaram molhadas e que minha filhinha tinha feito xixi em cima de mim.Perguntei a ela e ela respondeu que não,é que se excitou com o que tinha visto entre a cunhada e o pastor.Wilson questionou que seria mijo,mas ela não.Então,nos viramos e falei: ----Vamos ver isso agora.Mandei ela deitar entre nás dois e abri as perninhas dela e mandei ela mostrar pra gente.Ela com mãos abriu a xaninha e mostrou;Wilson, notou um líquido escorrendo perto do grelinho dela e me mostrou;eu achando que era mijo ainda,mas ele falou que sá saberíamos pelo sabor.Wilson foi rápido e passou o dedo pela xaninha dela,arrancando um suspiro;acompanhei ele e passei também o meu dedo e ela foi ficando mais molhada.Eu lambi meu dedo e falei que não era mijo,pois era meio doce;mas ele não se conteve e caiu de língua na xaninha da minha filha e ela se abriu gemendo alto.Tinha descoberto que minha filhinha era uma putinha excitada por uma boa foda naquele momento.Tirei o rosto do Wilson de cima da xana dela e cai de boca também.Lambemos juntos e uma certa hora nossas línguas se encontravam,mas a gente não se importava com isso,sá queríamos sentir aquele gosto delicioso dela.Quando olhamos,minha nora Viviane estava sentada no sofá na maior masturbação,de pernas abertas e de buceta inchada pedindo ajuda.Fui até ela e a trouxe pra cama;a coloquei ao lado da minha filha,abri sua s pernas e falei:---Vai,Wilson,chupa a puta da sua filha;ela vai ser nossa puta hoje,já que ela corneia meu filho.Ele não esperou muito tempo e iniciou uma chupada naquela buceta ávida pra ficar molhada.Eu dizia pra ela:-Vai,cadela,abre pro seu pai te chupar,pois depois eu vou te fazer gozar na minha língua.Ela urrava de orgasmos.Depois,Wilson passou a chupar minha filhinha também e as duas começaram a se beijar;foi quando ele falou que ia foder minha menina e falei que antes de mim não, pois ela era virgem e quem ia tirar o cabaço de Taciana era eu.Mandei Taciana se abrir pra mim e a deixei bem úmida e fui colocando a cabeça do meu pau(18x05cm),ela gemia e Viviane e Wilson alisava ela;depois ele começou a beijar a coca de menina da minha filha;e isso me deu o maior tesão,pois ele babava na boca dela e ela engolia a saliva dele.Enfiei toda minha pica naquela bucetinha e vi que tinha rompido o hímen e ela se tornara uma mulher.Depois disso, a ofereci pro Wilson,ele a fodeu de 4 e ele trabalhou muito na xaninha dela a deixando inchada.Chamei minha nora e chupei muito a buceta dela e passei a língua no rabinho dela e falei:---Vou comer esse cuzinho,pois o pastor já fodeu muito a sua buceta;ela falou que nunca tinha dado o cú e falei que eu tiraria o cabaço do rabinho dela,foi quando o pai dela(Wilson) não deixou e falou que ele tiraria o cabaço do cuzinho da filha dele.Tirou o pau todo babado da bucetinha da minha filha e enfiou de uma tacada sá no rabo da minha nora,ela sentiu uma dor muito forte e se jogou na cama,mase Le não parou e continuou bombando,quando minha filha viu que a cunhada tava começando a sentir prazer me pediu pra foder o cuzinho dela também e fiz a sua vontade;a coloquei de lado da minha nora de 4 também e fui calmamente colocando minha rola naquele cuzinho de menina.Ela mandava eu parar,e dizia que tava doendo;,mas mandei ela relaxar pois ela ia gozar também pelo cuzinho e continuei bombando;as duas deliravam com nossas rolas dentro dos rabos.Depois trocamos e peguei minha nora e a fiz ter um orgasmo anal com minha rola dentro do seu cú.Quando olhei ao lado, Taciana tava com face vermelha e Wilson a ordenando a ter uma orgasmo com o dedo em riste no rosto dela:---Vai,cadelinha,goza no caralho do seu macho,treme putinha..... e de repente,minha filhinha tava se tremendo e molhando o lençol da cama com seu orgasmo intenso.E ele continuou:---Isso é pra você nunca esquecer o que é um verdadeiro macho.Ouvindo isso gozei dentro da buceta da minha nora junto com ela.Quando Wilson viu que eu tava gozando,tirou do cuzinho da minha filha e meteu com tudo na xaninha dela e começou a bombar anunciando um gozo e encheu de porra que vi escorrer entre as pernas dela.Ficamos todos saciados.Enquanto tomávamos um banho coletivo,pedi ao Wilson pra repetirmos mas ele falou que íamos fazer de novo,mas sá coma presença do corno do meu filho,pra ele aprender a dar prazer a uma putinha e reconhecer quando uma mulher é uma puta e quer rola.Confirmei com ele e ficamos de armar um plano pra fazer meu filho-corno aprender a ser macho.Atualmente,todos da família sabe desse ocorrido e somos uma família feliz e liberal!

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


conto eroticos de garotoscontos heroicos de sorte molhado pornocontos eroticos dava balas e comia cu do pivetecontos eroticos de mulheres coroas fodedeirasmeu marido disse pra mim que ele ia tirar as virgindades das bucetas das minhas duas filhas pequenas conto eróticoeu amante xe um dog alemao contocontos sexuais de jessica no carrocontos fiz o cuzinho da mamãeContos eróticos molekas virgenspivete de penes de fora e tocando puietaContos erótico eu casada dando na pescariaconto erótico comendo a amigamulheresporno da baladasNora provocando o sogro de calcinhameu irmao me comeu gravida conto fotocontos eroticos menininha incestoConto erotico pequenininhacontos eroticos de vizinhos afeminadosconto transando com mulher deficienteconto erotico emprestando a noivaxvidio d queilacomtos.eroticos estuproporno.muller.estedendo.roupa.no.varalvídeos e contos eróticos de gays novinhos bonitos afeminados perdendo a virgindadecontos eroticos depois daquela pica a buceta da minha esposa nunca mais foi a mesmacontos eróticos demairanao tira papai deixa que eu vo gozarbianca casada dando a bunda ea buceta contos eroticoscontos minha mae se exibindo para mGozar nos pés contoconto erotico mulher casada ajudano um mendigo pirocudoconto erotico safadesa no cinema com travesticontos fode mesmocontos eroticos o amigo do meu marido me viu de calcinhacontos eróticos de bebados e drogados gaysconto fazenda com mamaecontos brincadeira de sabonete na piscinacontos eroticos corno oferecendo namoradaesposa torcendo de biquini em casa conto eroticoswing porno mulheres vao sem calcinhadomador de casadas conto eróticoconto travesti me enganoueu amante xe um dog alemao contocontos eróticos no barcocontos eróticos gay com monstroscontos comiminha primacontos eróticos menina de 25 anos 25 anos transando com cachorro com calcinha preta com as unhas vermelhasxvidio preza na ilhacontos erotico chantageada no metroContos filho namorado "pintinho"a calcinha toda travada no rabopreta casada fudendo exibindo o suvacocontos esposa bunduda so traz problemasvovo gosta de fuderno matoesposa eu precisava disso pornocontos eroticos primeira gozadasafada desde pirralha contoscontos eróticos sadomasoquismo argola enfiada na bucetacontos eroticos escondidocontos eróticos alemao me fudeu e o meu marido descobriucontos eroticos minha mulher me castiga apertando minhas bolascontos. senti o pau do meu pai na minha bundagarotinha bucetinha estufada contosconto comendo viuvarola na madrinha/contoTennis zelenograd contosambado se caucinha pra da pra pau grande e se deu maumarido libera esposa para pagar o aluguel contomasagista se marturbando no meio do espediente pornora putacontoscontos eroticos esposa velhover contos eroticos de empresários comendo o cu de.funcionáriosContos erotico eu e minha tia no jogo da garrafacontos de sexo conheci no.onibuscomendo a mulher em frente ao marido contoContos eróticos saia curtacontoseroticos foi fuder no mato e foi comida por malandrosContos eroticos d aluna periguete dando para mendigovideo de namoradosendo cornocontos tio negão come o c* da sobrinha Rosanaporno costos eroticos insesto leitinho quentecontos eroticos gay meu tio de dezessete me comeu dormindo quando eu tinha oito anoshomem chupa b***** depois coloca rola dentro da b***** e Adelecontos incesto comendo minha mae