Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

EM UMA CONSTRUÇÃO

Click to Download this video!

Amigos(as) de todo Brasil. O conto abaixo aconteceu a 19 anos atrás, quando tinha apenas 21 aninhos de pura felicidade. Durante esses anos comentei com muita gente essa experiência e resolvi disponibilizar a todos interessados.

Aos 21anos já não era virgem, mas estava na flor da idade, e por esse motivo a parte sexual nunca saia dos meus pensamentos e sonhos. Morava em um sobrado grande com uma sacada maravilhosa voltada para rua. O lugar era tranquilo e eu adorava descansar lá, tocar violão, ou simplesmente conversar com os amigos. Enfim, era um lugar perfeito. Percebi que todos os dias passava na minha rua uma menina linda, com um corpinho que vai além da excelência. Ela tinha uma cinturinha e caminhava sempre com o bumbum empinado. Um verdadeiro expetáculo de mulher. Sempre que passava em frente de casa me olhava mas não mostrava nenhum interesse. Eu também não estava muito preocupado, mas confesso que adorava viajar no sincronismo do rabinho empinado com a cinturinha. Num belo dia, ao passar em frente de casa percebi que ela entrou em uma casa em construção, localizada no outro lado da rua. Não compreendi o motivo que levou ela a fazer isso, mas de qualquer forma vi dentro desse cenário uma oportunidade de conhecê-la. Com isso peguei uma pipa do meu irmão mais novo e e corri para casa em construção. Entrei sem fazer barulho e não percebi nada de errado, até que entrei em um dos quartos. Tomei um susto enorme, pois ela estava fazendo xixi. Logo compreendi o motivo pelo qual procurou a casa e fui logo me desculpando, dizendo que a pipa do meu irmão caiu na casa e eu fui apenas apanhá-la. Apesar de não conhecê-la, ela implorou para não contar a ninguém, pois isso comprometiria sua reputação no bairro, afinal de contas, muitas pessoas a conheciam. Falei pra ela não se preocupar e num gesto de coragem, também urinei no canto do quarto. Nessa atitude tirei meu penis devagar do shorts e pude ver ela apreciar, apesar de virar o rosto. Quando eu terminei ela perguntou se eu poderia mostrá-lo, pois eu tinha visto a xoxotinha dela. Coloquei o pinto pra fora e ela ficou olhando, dando algumas indiretas, como: "Nossa, eu nunca chupei um". Respondi também com ar de provocação, dizendo: "Se quiser experimentar estamos no lugar ideal". Apesar das frases senti um pouco de medo por parte dela, mas convenci ela a pegar um pouquinho. Com muito receio, começou a massagear meu pênis e bater uma punheta bem devagar, sendo essa suficiente para meu pinto explodir. Nisso eu fazia carinho nela pra melhorar o clima. Junto com a massagem começou a beijar no corpo e eu passava a mão sobre seu, dizendo sem palavras que também estava afim. Finalmente ela colocou a boca na cabecinha e começou sugar, meio que sem geito. A medida que ela abocanhava ia sentindo mais tesão, tanto que começou a gemer com meu pau na boca, e sempre aumentando a velocidade. Não gozei, pois preferi algo melhor. Coloquei-a em cima de uma mesa dos pedreiros e tive a linda visão da xaninha rosada. Parecia um capo de fusca. Enfiei devagarzinho sentindo cada centimetro daquela xana. Enquanto eu metia ela chupava minha orelha gemendo no meu ouvido e dizendo coisas como: "Me fode. Aproveita de mim". Isso me excita muito até que comecei a bombar o mais forte possível. Ela começou a gritar, sempre pedindo mais. Eu metia com os peitos dela na boca beijando aquele pele branca e macia, até que veio a explosão final. Gozamos juntos e nesse momento ela me apertou muito. Perguntei se ela fazia um anal e disse que não. Apás muita insistência consegui brincar com o botãozinho dela também rosado e sem pelos. Enfiava apenas um dedo, pois ela tinha o buraquinho muito fechado. Nessa altura eu era homem mais feliz da vida. Somente apás o sexo eu soube seu nome. Chama-se Jaqueline, tendo 19 anos na epáca. Voltei pra casa feliz e tive que comprar outra pipa pro meu irmão, pois a dele eu esqueci na casa...rs...

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


contos eróticos de lésbicas meu marido mandou sua irmã me ensinar a dirigirminha mulher alargou meu cu contoeu e minha mulher somos moreno meu filho loiro sou corno ?contos eroticos madura vadia gosto de levar piça gg carlão socando ate as bolas no cu da vadiaContos eroticos de podolatria com fotos chupando pes de primas dormindoconto eroticos minha mae o pedreirodando no ônibus contosconto erotico de colega saradao do meu padrasto mim comeugozando na bucetinha apertada da cunhadinha que fica muito brabaConto de vadia explorada por muitos machosminha irma seu cu cheiroso contosconto erotico prima francinicasa dos contos marido pede para esposa por uma sainha bem curta e.provocaFinquei o pau no cu da manalevei minha tia viuva pra conhecer a praia contos eroticoscontos eroticos dei ao papai e fingi dormirObrigadas a dar o cu contosconto - ela fez massagem nos testiculos dele Conto erotico sobrinha e tio carlosConto erotico entre irmoaos de feo corinho do pinto dele nem descia ainda contos eroticostransparente e coladinha bucetinhacontos eróticos comendo a mulher do irmão na festa do final de anoamarrei a puta e fiz ela chupar meu pauputinhas de quinze anos xexo uricuiacontos pegue minha sobrinha piquena e comitrepafa de caronaa velha e o pedreiro contos eroticosTennis zelenograd contoconto erótico assediaram minha mulher na ruaConto o meu entiado me comeu a noiti todacontos eróticos 2 meninos comeu minha mulherfofinha putaria goiania contosContos eroticos minha avo e mamae foderam com os mendigoscontos eroticos quentescontocontos eróticos cu arrombouconto puta esculaxadaMe comeu e comeu meu maridocontos eroticos peguei minha namoradaconto erotico madura gorda e a submissa ninfetinha e gostosadar o cu e oda contos eróticosconto primeira peitinhoContos no clube todos mus meu pai e seus amigos me fodemCont erot tic dormindomendiga pedindo pra comer seu cu apos o dela era vigemadolecente cega conto eroticoContos mae da minha namorada perguntou me punhetocontos eroticos chupando a pica do meu filhohistoria erotica irmão dopa irmãcontoseroticos desde pequena adoro dar o cuzinhominha tia andando nua contocontos saia sem calcinha escada engoli porracontos eroticos de apostei com a minha irma e acabou em tranzacontos eroticos a tres corno mesma camacontos tio no carrocontos eróticos com bucetas grandesnatalia do ceará chupando o paucontos eroticos exibida tomou sem do no raboContos eroticos fagrei mnha esposa fodendo com dois caraseu e a tia evangelica casada da minha esposa conto eroticofudi cm tds na praia contoscontos eroticos na rua adrenalinacontos eróticos dupla penetração anal em travestis zoofiliacontos de sexo com fotocontos eróticos bucetas pequeninascontos eróticos de bebados e drogados gayscontos eroticos -FILHA tarada pelo Paicomi o filho do meu patrao conto heroticoconto erotico bem picantecontos eróticos primeira vez q peguei na buceta da minha namorada conto o mendigo roludo comeu minha mulhercontos de sexo chupadas"HOMEM NENHUM RESISITIRIA AO FILHO DA VIZINHA" contos gayenteada loira mostrando o grelo do c***** no espelhoxupando u pau dos piao tudo no sexo gostosocontoseroticos mamae e amiga regassando o chavacao pro meu paucontos de mulheres que gostam de bacanais para levar no cu e na conaconto esposa com negãocomtos erotico sou casada mas o marido ta preso to dan de masafastou as carnes do cu piça perfurou minhas entranhas contosmamae japonesa me bolinandocontos eroticos aposta amigos Relatos de gay quie derao ao pedreiro saradohomenn pirocudo comendo a mulher do magrelo pintinxvideo cuzeiras de pelotasConto gostoso picante paitirando a calcinha no banheiro toda meladinha visgandoTo ferrada fiquei.arrombada contos eroticosCasada voltou bebada e sem calcinha em casa contoscontos eroticos humilhadaconto porno gay putinha de várioshttp://transei com pastor gay no banheiro contos eroticos gayminha esposa e o porteiro