Aviso: Voltamos Envie seu Conto estamos aguardando, recupere sua senha caso ja foi cadastrado antes !
Já está liberada a área de Cadastro de contos. Cadastre-se e evie-nos o seu conto

TRAI MEU NAMORADO COM MEU PRIMO

Em um final de semana titia me ligou e perguntou se o meu primo, o Ricardo (aquele que passei as melhores férias da minha vida) poderia passar as férias comigo em Sampa, eu disse que o convite continuava de pé que eu ia adorar receber o priminho aqui em casa.

Na quinta feira fui busca-lo no aeroporto e assim que ele chegou dei um abraço apertado e fomos para o carro onde ele começou a alisar minha perna e dizer que eu estava mais gostosa do que quando tinha ido na casa dele. Fui ficando cheia de T mas resolvi avisa-lo que estava namorando e que no dia seguinte ele conheceria o Pedro e que era para ele se comportar.

Quando cheguei no apto. ele me agarrou e me beijou e começou a me alisar, não aguentei e comecei a gemer ele rapidamente tirou a pica para fora e disse que era para eu mamar bem gostoso como uma putinha, me abaixei e engoli aquele cacete que estava duro como pedra, ele então me puxou pelos cabelos me deu outro beijo e começou a meter a pica na minha xota ali mesmo, eu logo gozei com aquela tora entalada na minha xaninha. Ele então me levou ate o sofá, me colocou na posição de frango assado e meteu de novo na minha buceta enchendo ela de leitinho. Quando ele tentou continuar eu disse que precisava ir trabalhar, então me levantei tomei uma ducha e me arrumei.

Fui trabalhar e fiquei imaginando chegar à noite e continuar o que tinha começado pela manha.

Na sexta avisei que minhas irmãs e nossas primas viriam aqui em casa para comemorar a vinda dele para Sampa e que o Pedro também viria. Ele disse que não ia ter problemas que ele queria mesmo conhecer o corninho do meu namorado

O combinado foi todos trazerem bebidas e então so teríamos que pedir as pizzas, o primeiro a chegar foi o Pedro que se entrosou muito bem com o Ricardo. Depois chegaram minhas irmãs e primas.

O papo rolou descontraído, com muitas brincadeiras. Por volta de 2:30 o Pedro anunciou que estava cansado e que iria dormir e logo depois todos começaram a se despedir ficando somente eu e o Ricardo, que assim que se viu sozinho comigo disse que queria me comer, eu disse que ele estava louco que o Pedro estava no meu quarto dormindo, ele disse que era para eu ver se o corninho continuava dormindo e depois era para voltar que ele ia meter gostoso no meu cu.

Essa situação foi me dando T, entrei no quarto sem fazer barulho e o Pedro dormia feito um anjo. Então sai rapidamente e fui para o quarto de hospedes onde o Ricardo já estava me esperando, quando entrei ele sussurrou no meu ouvido que eu já sabia o que tinha que fazer. Então me apoiei na cama empinei a bunda, ele chegou a calcinha para o lado, deu uma lambida no meu cu e começou a enfiar aquela caralho grosso no meu rabo, eu abafei o gemido no travesseiro e fui rebolando e ele foi aumentando o ritmo das estocadas no meu cu, acabamos gozando juntos. Ele então tirou a pica do meu cu e disse que era para eu ir para o meu quarto, deixar a porta entreaberta e fazer com que o Pedro metesse no meu rabinho que estava cheia de porra dele.

Fui para o meu quarto meio zonza com aquela situação, mas cheia de T e doida para provocar o Pedro e sentir ele metendo aquele caralho gostoso no meu cuzinho, deixei a porta entreaberta, me deitei ao lado do Pedro e comecei a alisar o pau dele, depois abaixei o short e comecei a mamar no pau dele e fui sentindo a pica dele endurecer antes mesmo dele acordar. Continuei chupando o pau enquanto ia alisando o saco também, então o Pedro acabou acordando e disse que estava gostando muito daquela surpresa, nisso fui passeando a língua pela barriga dele ate chegar bem perto do ouvido dele e dizer que queria sentir aquela pica no meu rabo, ele então disse que ia meter bem gostoso no meu cu, antes disso enchi de lubrificante o meu cuzinho pois fiquei com medo dele perceber que meu eu já estava lubrificada de porra.

Deitei na cama de forma a conseguir ver a porta, abri bem a perna e ele estava de pé me puxou para a beirada da cama eu apoiei os pés no peito dele e mandei ele meter logo aquele caralho gostoso que meu cuzinho estava querendo uma pica. Ele foi metendo a principio devagar, depois começou a meter com força e eu comecei a contrair o cuzinho e ele foi enlouquecendo, nisso tirou o pau do meu rabo me colocou de 4 na cama e meteu de uma vez o pau no meu cu e começou a bater na minha bunda dizendo que era para abrir bem o cu, que ele estava doido para gozar, falou isso e logo aumentou o ritmo das estocadas enchendo de porra meu cu. Como eu não tinha gozado ele tirou a pica do meu cu e meteu dois dedos dizendo que meu rabinho estava bem lubrificado, eu pedi para meter mais dois dedo que eu queria gozar logo, ele então meteu os 4 dedos eu senti meu cu sendo arregaçado e continuei rebolando e ele metendo gostoso me chamando de putinha arrombada que adorava dar o cu quando gozei parecia que o mundo ia acabar de tão gostoso que foi.

Dormi agarrada ao Pedro e no dia seguinte antes de levantar ele encheu de porra a minha xotinha e quando saímos do quarto pedi para ele ir a padaria comprar coisas para o nosso café, assim que ele saiu o Ricardo me agarrou e disse que eu era muito piranha e que ele tinha ouvido nossa toda a nossa foda, a da noite e a da manha, e que tinha ficado cheio de T e que ia meter ali mesmo e que era melhor eu deixar bem rápido pois assim o Pedro nem ia desconfiar.

Eu me senti uma vagabunda, e fiquei cheia de T, virei de costas para ele, tirei a calcinha, apoiei na pia da cozinha e mandei ele enterrar logo o pau, ele então meteu dois dedos na minha xota depois lubrificou meu cuzinho e meteu a pica no meu cu, eu logo gozei com aquele caralho gostoso no meu rabo, logo ele continuou castigando meu cu ate encher de leitinho meu rabinho.

O difícil dessas férias do Ricardo foi intercalar as fodas com ele e o Pedro, mas no final tudo deu certo e eu tinha leitinho em todos os buracos todos os dias.

VISITE NOSSOS PARCEIROS

SELEÇÃO DE CONTOS


Online porn video at mobile phone


video porno primo sente atração pelo outro primo homensdepiladas muas na sauna contosfui sem calcinha me fodeu o professorcontos gays seu tiaomulhe vais boguete em bebudocontoseróticostroca de casais marido biconto erotico viadinho com shortinho e calcinha é estupraadofotos de mulheres cazadas sendo erra badas por dois negao pauzudoConto amigo do meu marido me chantageoucontos eroticos casada pau pequenoa minha primeira vez com sexo canino contosrelatos de um negao roludo me desvirginouconto gay chupou depois do futebol contos chupar pau na infância contos eroticos de loira peituda e negro mecanicocontos eróticos violentoscomtos de travesty petdedo o cabasso do cuzinhocontos eroticoc de senhoras casada se vingando dando o cu pra negoessedentas por varas conto erocontos eròticos um desconhecido me olhou e me meteu varacomendo tieta contos eróticos zoofilia gay extraordinárias bizarrosaii uii nao vai me fode vai me come mais mete fundocontos eroticos com absorventetravestiszoofiliafotoscontos eroticos gerro tomado umas cervejas com a sogra sozinhos e da em cima delacdzinhas contos reaisConfesso inversão virei corno mansoContos gay com cunhadoHomem foi instalar internet e acabou faturando a casada direto cuzinhocontos de mulher chupando o pinto.mulheres aguachadas com as pernas abertas so de calcinha fotosContos eroticos gays. comendo o moleque na van escolarEnfiando na bundinha ate eta sentirtraveco dominando e excitando macho em banheiro, contos com fotosContos erotico ferias quentes cinco o retorno do titio pegadortraveco dominando e excitando macho em banheiro, contos com fotosconto erotico marido deu a esposa puta para negros tarados estrpaconto mae gorda sexocontos caipiras amadores bucetascontos eroticos comendoa crente no trabalhoContos eroticos transei com um desconhecidocontos eroticos com roberta putinhacontos de menininha sapecacdzinhas como tudo começou contoscont erot recem casada um velho meespoza esitada com. a pau do amigo do maridomeu irmao me comeu gravida conto fotoconto de sexo explícito pai sangue a bêbadaporno.muller.estedendo.roupa.no.varalestalos da cama-contos eróticosContos erotico sogra fiu filha batendo punhetacontos eróticos de violênciasuelen só levando contos eróticosnega dançando agachadinho com a mão na periquita em cima da camapreta casada dexa comedor goza nas axilasafricano rasgando a bctda loirinhamia professorA .com fio com pica durA fio nu ckominha sogra ensinou a dirigir contos etoticosesposa bate punheta e grita guanta porra ele tem gozando vou engolir tudo cornomae gostoza de saia curta. na cozinha filho nao rezisti e passa a mao e comecontos gay educação fisicacontoerotico quase corri negrinho caralhudoCasada encoxada e enrrabada contovideo porno gay de garoto com o calção com o fundo rasgado de parnas areganhada na casa do amigo tarado do pau gande e grosocontoa eroticos voltando da praia de biquini no colinho do tiocontos eroticoscrenteNo motel os dois cabaços das duas amigas da minha filha conto eroticocontos eróticos de bebados e drogados gayscontoseroticos me fode tioesse shortinho curtinho nesse botãozinho Rosa